Notícia

03- Setetembro - 2018

Feambra divulga pesquisa sobre associações de amigos de museus

 

A necessidade de conhecermos e contatarmos as associações de amigos de museus no Brasil nos levou a realizar a uma pesquisa junto aos museus, instituições culturais, e artísticas.

Durante seus 29 anos de existência, a Feambra sempre procurou auxiliar na criação e gestão de associações de amigos. 

Nos últimos dez anos, intensificamos a aproximação com as instituições museológicas para saber do que elas precisam e também sobre como implementar uma associação sem fins lucrativos.

Em 2013, o decreto nº 8.124/2013 estabeleceu as condições e requisitos para a constituição de uma associação de amigos e definiu a composição do Comitê Gestor do Ibram (Instituto Brasileiro de Museus), com a participação da Feambra. 

Esse grupo ficou responsável por propor diretrizes e ações relacionadas aos museus.

Lançamos o segundo volume do Guia para Criação e Gestão de Associações, respondendo as principais dúvidas das instituições museais sobre legislação e captação de recursos.

Agora, queremos saber mais sobre necessidades, dificuldades e orientações que os museus brasileiros cadastrados no “Museus em Números do Ibram” mais precisam. 

 

Para chegarmos a essas conclusões, destacamos as seguintes perguntas:

- Quais informações são necessárias para que os museus entrevistados possam criar uma associação de amigos?

- Em que áreas precisam de orientação?

- Há interesse em receber informações periódicas da Feambra? Quais?

- Quais museus têm associação de amigos?

 

Para responder a pesquisa clique aqui

 

Com a participação de todas as entidades museais, teremos um retrato mais preciso do cenário das associações de amigos de museus no Brasil. Contamos com suas respostas!